segunda-feira, dezembro 11, 2006

LANÇAMENTO DE LIVRO

Realiza-se amanhã, pelas 18h30, no Círculo Eça de Queirós (Lg. Rafael Bordalo Pinheiro, 4 - ao Chiado), o lançamento do livro «REPENSAR A EUROPA E A GLOBALIZAÇÃO», do Professor e Padre Manuel Antunes (ver biografia AQUI), com textos extraídos da Revista Brotéria, publicados entre 1963 e 1975, reveladores não só de um grande saber do autor, mas igualmente de um dos maiores pensadores do século XX português. Preside ao acto o Sr. General Ramalho Eanes e será apresentador o Sr. Prof. Dr. José Eduardo Franco, historiador e um dos organizadores do Congresso Internacional Padre Manuel Antunes (em Dezembro de 2005).

6 comentários:

garina do mar disse...

um dos melhores livros que li sobre este tema chama-se "O desafio metanacional" escrito por três professores do INSEAD, um dos quais é português: José Pinto dos Santos.
recomendo!!!

MCH disse...

Fui aluno do grande em alma Padre MAnuel Antunes e com ele apresentei a minha tese de seminário de licenciatura em Filosofia em Letras em 1978.
Recentemente no Congresso sobre Manuel Antunes fiz conferência. deixo meu link com artigo sobre este assunto.

http://pwp.netcabo.pt/netmendo/artigo%20manuel_antunes.htm

Essa história do INSEAD é interessante. Estará também na net miss Garina?

garina do mar disse...

o livro não é do Insead... eles é que são lá profs... de resto o Joe Santos dá também aulas no MBA da Católica e a uns personagens "importantes" nuns fóruns sobre globalização. O livro já existia em inglês, publicado pela Harvard Business School, e foi editado em português pela Monitor www.monitor.pt em Agosto deste ano

garina do mar disse...

essa do miss Garina tem graça!!!

MCH disse...

O Padre Manuel Antunes era um individuo extraordinário mas hipocondríaco. O Prof. Miller Guerra tinha que o dissuadir das doenças imaginárias que ele tinha.Um dia transportei-o no meu VW azul e por alturas da Praça do Saldanha bati ao de leve, ou bateram-me, já não me lembro, noutro carro. O Padre MAnhuel Antunes lívido ou verde apenas exclamou " Colidiu!" Extraordinário. Nunca me lembraria dessa palavra para o...o...o acidente!

garina do mar disse...

era?
às vezes nos momentos de crise as pessoas revelam-se...

podia ser giro analisar os textos dele à luz do que se está a fazer agora...

(não sei porque os blogues beta não estão a deixar quem não tem contas beta escrever comentários! lembrei-me que tinha uma noutro projecto mas isto é estranho!)