sábado, dezembro 16, 2006

Referendo a 5 de Outubro de 2010

A República em crise 2006-12-15
Rui Teixeira Santos no editorial do Semanário lança publicamente a proposta do referendo sobre a República para 5 de Outubro de 1910

(Leia tudo aqui)

Perseguição de banqueiros e empresários, um milhão de processos do Fisco, desordem na magistratura, insubordinação de polícias, ameaças de militares - a Terceira República está em crise. Será a restauração da monarquia a solução? Ou ainda se vai passar por muscular a democracia com o reforço dos poderes presidenciais do Presidente da República? Toda a história de uma "conspiração em marcha"... (...)


Agora, é a vez da República aparecer aos olhos dos cidadãos, das elites, dos empresários dos professores, dos militares, dos cultos e dos caciques provinciais, como razão de todos os males, como sistema desacreditado, com políticos menores e sem sentido de responsabilidade. A última das proclamações seria mesmo Manuel Alegre, quando apresentou a biografia sobre D. Duarte Pio e a Democracia editado pela Bertrand, a fazê-la: já é tempo do País se pronunciar no referendo sobre a forma de Governo: República ou Monarquia!Uma biografia séria, muito séria mesmo, em que metade do livro é a apresentação de documentos autênticos, que prova a legitimidade do duque de Bragança, como pretendente ao trono do Reino de Portugal, ele, cujos pais reconciliaram os dois ramos dos Bragança (miguelistas e liberais) e que, com o casamento com D.ª Isabel de Herédia, se reconciliou também com a aristocracia golpista.
(Leia tudo aqui)

2 comentários:

lusitano79 disse...

É importante que até 2010, todos os Monárquicos estejam devidamente preparados para uma campanha que só terá que ser VITORIOSA!

Viva o Rei!

Patriota disse...

Todos nos sabemos que a monarquia é a única solução para o nosso país.
Esta e altura de agir contra uma república que a única coisa que tem feito é desmoralizar Portugal perante o mundo.
Só a monarquia nos pode salvar da ruína total.

Viva ao rei! Viva a monarquia!