quinta-feira, março 08, 2007

A MARINHA MERCANTE EM 1953

Estatísticas da Marinha de Comércio relativas a 1953, segundo uma notícia difundida pela agência noticiosa "Lusitania" em Maio de 1953 e publicada nos jornais da época:

CURSO DA ESCOLA NÁUTICA
No último ano concluiram o curso da Escola Náutica, 35 Pilotos, 46 Maquinistas, 5 Radiotelegrafistas e 8 Comissários. Frequentaram o Curso Complementar, com aprovação, 28 Capitães, 14 Maquinistas e 23 Radiotelegrafistas .
Na Escola de Marinheiros e Mecanicos da Marinha Mercante, em Caxias, terminaram o curso 14 alunos de Marinharia, 10 Ajudantes de Motorista e 6 Electricistas.
Em 1 de Janeiro de 1953 a nossa Marinha de Comércio dispunha de 220 navios, com 574.699 TDW e 5.735 tripulantes embarcados, distribuidos por 77 empresas armadoras.
Na época vivia-se a segunda fase de realização da reconstrução da frota de comércio - o Despacho 100 - com diversos navios importantes em construção, com destaque para os paquetes SANTA MARIA, UIGE, RITA MARIA e NIASSA. É caso par dizer no que toca à Marinha Mercante e aos Navios, "Foram-se os Navios..., ficaram as recordações...
Recolha histórica e comentário de L. M. Correia. Postal do paquete INDIA de 1952 editado pela CNN - 8 Março 2007

2 comentários:

David Garcia disse...

Naquele tempo pensava-se no futuro e havia investimento naquilo que realmente fazia a economia crescer de uma forma sustentável. Agora ? os nossos navios de pesca, muitos deles, estão a apodrecer, como a republica aliás....

Sailor Girl disse...

Obrigada, L M Correia, por manter vivo o espírito da Marinha Mercante Portuguesa!